quinta-feira, 5 de abril de 2018

Quer ler a sua sina?


É provável que muitas das pessoas que habitualmente leem o horóscopo o façam por passatempo, distracção ou simples curiosidade, sem lhe atribuir grande credibilidade ou importância. Outras, possivelmente, ficarão mais dependentes das suas informações, as quais consideram credíveis, e consequentemente terão apetência para querer saber mais coisas sobre a sua vida e o seu futuro, abrindo espaço a práticas já menos ingénuas ou inofensivas e que poderão interferir em si e no seu comportamento.

Como nunca se sabe bem onde termina uma mera especulação astral ou se está já a pactuar com outros poderes, a Igreja Católica adverte que a simples leituras dos signos pode abrir uma porta ao ocultismo, deixando de ser uma diversão ou curiosidade para se tornar numa arte de adivinhação do futuro que pode conduzir ao contacto com o maligno.

A astrologia é a leitura e interpretação dos astros e da sua influência em diversos acontecimentos e no comportamento das pessoas.

É uma prática antiga que está ao nível da adivinhação, pretende exercer poder sobre o tempo, mas presta-se a estratégias do diabo, na medida em que só Deus conhece o futuro, e é o Senhor do tempo e da eternidade.

O recurso a entidades espirituais que não sejam Deus, com o fim de adivinhar o futuro, como a leitura das palmas das mãos, a consulta a médiuns e a procura de ajuda a algum espirito (demónio), é sempre um abrir-se, expor-se e permitir a interferência do maligno na sua vida. Por isso o Catecismo da Igreja Católica, no seu ponto 2116, é muito claro sobre este assunto.

Hoje também se sabe que muitos casos de exorcismo são consequência destas práticas nocivas e perigosas que propiciam muitas e fortes influências do demónio nas vidas das pessoas que se expõem a estes perigos, inadvertidamente ou não.
Concluímos assim, que a astrologia é uma prática que Deus não aprova, pois somente o Criador pode revelar e predizer coisas que ainda não sucederam. O cristão fiel não se envolve com nenhuma ciência oculta, nem com a astrologia. A sua confiança deve ser colocada única e exclusivamente em Deus e na Sua Palavra – a Bíblia Sagrada.

Ana Maria d´Oliveira



Sem comentários:

Enviar um comentário