sábado, 7 de abril de 2018

Ser livre é ter o coração preso

A expressão enquadra a edição 2018 do «Meeting Lisboa», promovido pelo Movimento «Comunhão e Libertação» que decorre hoje e amanhã na capital portuguesa e que conta com “exposições e conferências, conteúdos tão diversos como os 10 anos do Banco Farmacêutico, o «Maio de 68», o testemunho de um grupo de Jiu Jitsu, ou a educação no século XXI. Esta tarde, no evento, vai estar o abade geral da Ordem de Cister, padre Mauro-Giuseppe Lepori. A iniciativa que decorre numa tenda junto ao Centro Cultural de Belém, tem também intervenções de Carlos Fiolhais, António Campos e Catarina Almeida. 
Os testemunhos de vida cristã de Sílvia Cardoso e do cónego Manuel Formigão vão estar hoje em foco em Paços de Ferreira. A localidade da Diocese do Porto acolhe umas jornadas de estudo em torno destas figuras da história da Igreja em Portugal, cujos processos de beatificação e canonização, estão a decorrer. «Luzeiros de Santidade» dá nome à jornada de estudo que, para o Padre Samuel Guedes, pretende promover as duas causas de canonização.
«Aprender a ler a arte» enquadra um conjunto de visitas guiadas por marcos históricos das cidades de Braga e de Guimarães. A Pastoral da Cultura da Arquidiocese de Braga que promove esta iniciativa, afirma que os encontros têm como objetivo “ensinar a ver e a compreender o significado dos principais elementos que estão presentes na arte cristã, de forma a aprofundar a riqueza e a beleza que encerram as manifestações artísticas nascidas da fé e encontradas em todos os cantos da nossa geografia mais próxima”. Hoje é a vez do Bom Jesus em Braga, com a orientação do cónego José Paulo Abreu. 
Tenha um grande dia
Henrique Matos

Sem comentários:

Enviar um comentário